DIA DE SAINT GERMAIN / DIA DE SÃO JOSÉ


Discurso XII 
Saint Germain

Oh, Tu! Poderosa e Infinita Presença! Tu, Inteligência Onipenetrante! Teu Amor, Tua Sabedoria e Poder Governam todas as coisas. A Tua Divina Justiça está sempre agindo nas vidas, nos mundos daqueles que confiam em Ti com firme determinação.
Nós rendemos louvor e graças por seres Tu o Poder Dominante e a Inteligência Governante dirigindo todas as coisas. Nós rendemos louvor e graças porque em nosso mundo Tu és o Poder Invencível, Sempre- sustentador. Nós Te agradecemos. Deus sempre encontra um meio de auxiliar aqueles cujos corações se voltam para Ele.


DISCURSO
Os aparentes mistérios da vida, com as experiências que os acompanham, são bênçãos sob falsas apresentações, quando bem compreendidos - porque qualquer experiência que nos faça voltar com mais firmeza para a Una Presença "EU SOU", Deus em Ação, ter-nos-á sido de um maravilhoso proveito e benefício.
A situação desafortunada em que se encontram as pessoas ocorre porque elas visam eternamente às fontes exteriores para obter inspiração e também o Amor, que nada mais é do que a Suprema Presença e Poder do Universo.
Sejam quais forem as condições que tivermos de enfrentar, não devemos, em tempo algum, esquecer a Verdade de que o Amor é o Centro do Universo, em torno do qual tudo gira. Isso não significa que devamos amar desarmonia, discórdia ou qualquer coisa diferente do Cristo, ao contrário, devemos amar Deus em Ação,a "Presença EU SOU" em tudo parte presente, porque o oposto ao ódio é o Amor e não se pode odiar em qualquer sentido sem antes ter amado profundamente.
Cada ser humano é um poder e está destinado a ser o princípio governante de sua vida e de seu mundo.Reconhecendo que, no interior de toda pessoa, está a "Presença EU SOU", Deus em Ação permanente, então cada um sabe que empunha o Cetro do Domínio, e deve recordar que a invencível Presença de Deus é, a todo instante, a atividade inteligente no seu mundo e assuntos. Isso mantém sua atenção distanciada da aparência exterior, que nunca exprime a Verdade senão quando iluminada pela "Presença EU SOU".
Seja qual for o problema que deva ser solucionado, só há um Poder, Presença e Inteligência que pode resolvê-lo: é o reconhecimento, por parte do indivíduo, da Presença de Deus, na qual nenhuma atividade externa pode interferir a não ser que a atenção da pessoa se afaste, consciente ou inconscientemente, do reconhecimento e aceitação do Supremo Poder de Deus.
O princípio vital, sempre em atividade, está continuamente tentando expressar-se em sua Perfeição natural;mas os seres humanos, dotados que são de livre-arbítrio, consciente ou inconscientemente qualificam-no com toda espécie de deformidade. O indivíduo que mantém a atenção firmemente fixada na "Presença EU SOU",em Deus e com Deus, torna-se um Poder Invencível que manifestação alguma da humanidade pode destruir.
No reconhecimento de que: "EU estou aqui" e "EU estou já", surgirão pessoas para nos auxiliar onde se fizer necessário, já que o "EU SOU" também está no íntimo daqueles amigos. A libertação de todo domínio externo ou interferência somente pode ocorrer através desse reconhecimento da "Presença EU SOU", Deus em Ação, na vida e no mundo do indivíduo.
Muitas vezes isto requer grande tenacidade, para ele se manter inabalavelmente nessa Presença, quando as aparências negativas parecem estar dominando. O antigo provérbio: "Ninguém fracassa enquanto não se rende" é bem verdadeiro, porque enquanto o indivíduo confia, com plena determinação, em Deus como sua Inteligência Governante, não há atividade humana que passa interferir na Grande Emanação que flui em seu redor.
Através dos séculos a humanidade deu toda a sua atenção às aparências externas, atraindo desse modo toda espécie de discórdias e desgraças. Hoje, porém, há milhares que estão chegando ao conhecimento da Presença de Deus dentro deles como Absolutamente Invencível, a ponto de se estarem gradualmente elevando acima da injustiça, da discórdia e da desarmonia motivada pela criação externa. Enquanto a humanidade ou os indivíduos não conservarem sua atenção na "Presença EU SOU", o Deus Interior, encontrar-se-ão cercados pelo indesejável; mas, por meio desta "Presença EU SOU", cada um tem o poder de elevar-se acima da discórdia e perturbação dessa criação exterior.
A princípio, é difícil manter-se firme quando as aparentes nuvens pesadas do temporal estão baixas e pairam sobre o discípulo; porém uma atitude dinâmica consciente e a atenção fixada na Presença do Deus Interior, é como se um relâmpago faiscasse repentinamente do interior de nuvens tempestuosas, penetrando e dissolvendo a tempestade que parecia tão ameaçadora.
À medida que avança, o discípulo verifica que está se tornando cada vez mais invencível ante a criação externa da humanidade, causadora de tantos distúrbios. A afirmação de Jesus: "Conhecereis a Verdade e a Verdade vos tornará livres" foi talvez uma das mais simples e maiores Verdades jamais proferidas, porque o princípio fundamental do conhecimento dessa Grande Verdade, a que Ele se referiu, era a lembrança da Invencível Presença de Deus Interior. Se souber dese tiverdes disso plena convicção afirmando-o sempre, diante de qualquer circunstância, então, sim, sabeis quede fato tendes essa Presença dentro de vós.O próximo passo é assumir a atitude: '"EU SOU' a Presença iluminadora, pela qual nada que eu necessite saber me pode ser recusado, já que 'EU SOU' a Sabedoria, 'EU SOU' a Perfeição, 'EU SOU' o Poder Revelador que tudo apresenta diante de mim para que eu possa compreender e atuar de acordo". Quando tiverdes compreendido que: "EU SOU é a Única Inteligência e Presença em ação", ser-vos-á muito fácil visualizar o Cetro em vossas próprias mãos, e através desta "Presença EU SOU" podeis compelir a que vos sejam reveladas todas as coisas que necessitais saber. Eu vos asseguro que isso de modo algum significa interferir no livre-arbítrio de qualquer outra pessoa, e não há nenhum mal em reivindicar o que vos pertence. Agindo dessa maneira, não estareis de forma alguma interferindo na atividade de outro indivíduo. Se, em qualquer tempo, houver alguém que por meio de sua atividade externa tente apoderar-se do que vos pertence, então é vosso direito comandar, através da "Presença EU SOU", que toda a situação se ajuste e vos seja devolvido o que é vosso. Neste particular devemos ter muito cuidado para que, uma vez que tenhamos posto a Lei Divina em movimento e que a Justiça Divina comece a manifestar-se, não nos tornemos excessivamente complacentes, interrompendo, com isto, a ação da Lei. Quando os seres humanos são governados inteiramente pelo eu externo e não pensam no Poder de Deus, que lhes dá a Vida, facilmente são levados a cometer toda sorte de injustiças, mas isto não significa que ireis permitir-lhes agir dessa maneira em vosso mundo. Não! Principalmente quando sabeis que tendes o Grande Poder de Deus para ordenar e exigir retidão e justiça de quem quer que seja.
Desejo citar-vos um exemplo: uma de minhas discípulas estava se defrontando com um problema, e sendo de natureza muito espiritual, recomendei-lhe que afirmasse exigindo seus direitos e justiça. Ela seguiu Meu conselho e daí a pouco certos fatos começaram a suceder às pessoas que desejavam prejudicá-la. Devido a sua bondade, principiou ela a arrepender-se e a desejar não ter pedido justiça. Veio a Mim e perguntou: "Que devo fazer"? Eu lhe respondi: "Mantende o decreto que emitistes. Não sois responsável pelas lições que esses indivíduos têm de aprender: eles vos prejudicaram, portanto deixai que recebam a lição que merecem e não permiti que isto vos perturbe".
Quando os seres humanos começam a praticar o mal, no mesmo instante põem em movimento a Grande Lei Universal da Retribuição, e não podem evitar que ela os assalte inesperadamente algum dia, em algum lugar,da mesma forma como não podem deter a ação dos planetas. Para a vítima inocente, o castigo, muitas vezes, parece demorar, mas quanto mais retardada for a sua chegada, tanto mais poderosamente atuará quando chegar. Não existe ser humano que possa escapar a essa Lei.
Muitos discípulos crêem que algo mau possa advir-lhes de outros, porém Eu vos asseguro que não é assim. A única forma é não permitir que pensamentos indesejáveis causem perturbação, dando entrada em sua mente ao ódio, à critica e condenação. Se assim fizer, terá criado aquilo em que acreditou.
Aquele que conhece o Poder de Deus dentro de si mesma, jamais deve temer coisa alguma da parte seja de quem for. Se desejar, cada um pode experimentar a plenitude da atividade de Deus em sua vida e em seu mundo. Trata-se simplesmente de escolher o que desejar. Se quiserdes paz e harmonia, sabei: "EU SOU o Poder que gera paz e harmonia". Se desejais ajustar vossos negócios: "EU SOU a Inteligência e Poder que produz isto e nenhuma outra atividade exterior pode impedi-la". 
No aparente mistério da atividade incessante da Vida, está a grande presença "EU SOU", sempre pronta a vos abençoar com graças inconcebíveis, bastando-lhe permitirdes que o faça. E como? Pela aceitação alegre da Poderosa Presença, cujo Poder Imenso tendes dentro de vós, e assim, não vacilardes em chamá-la à ação em todas as circunstâncias de vossa vida cotidiana - por mais insignificantes que possam parecer, porque não há outra energia no Universo senão Deus para agir através de vossa consciência, mente, corpo e mundo.Em tudo que desejais seja feito, dizei: "EU SOU a Presença". Isto abre o caminho para que o Poder de Deus atue e vos traga justiça. Não deveis ter pena do exterior, que em sua ignorância procede mal (seja para convosco ou qualquer pessoa).
Sede calmos e serenos, sabendo que Deus é a Única Inteligência e Poder atuando em vosso mundo e negócios. "EU SOU", em vós, é a força auto-sustentadora e curativa manifestando-se em vossa mente e em vosso corpo. Isto vos conservará em maior sintonia. Voltai-vos para Deus! Desse modo a Energia surgirá sempre para pôr em ordem qualquer situação. As pessoas que compreendem esta Lei não estão sujeitas a injustiças e a condições que o eu externo de outros seres tenta impor-lhes.

Trecho do Discurso XII extraído de: "O Livro de Ouro de Saint Germain" editado pela Ponte para a Liberdade - 9ª edição de Maio de 2003





LÁ VEM O MEU BARQUINHO,
 TODO ENFEITADO DE LUZ .
SÃO JOSÉ VEM REMANDO COM O MENINO JESUS.
ORA ENTRA MEU BARQUINHO,
ENTRA PRA ESSA CASA ADENTRO,
ILUMINA OS QUATRO CANTOS
COM O SANTÍSSIMO SACRAMENTO.

(Ponto de Preto Velho em louvor a São José)

Comentários

  1. Um beijinho agradecido. Conheci-os aos dois.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Grata António, pelo carinho e atenção de sempre.

      Outro beijinho para ti.

      Excluir

Postar um comentário

Boas vindas!

Postagens mais visitadas deste blog

ORAÇÃO AO JUSTO JUIZ - ORAÇÃO DA PROSPERIDADE - ORAÇÃO DE AGRADECIMENTO

NÓDULOS LUNARES - DESCUBRA QUAL É O SEU CARMA

OS SIGNOS DO ZODÍACO: SUAS CORES, PEDRAS, FLORES... - 1ª PARTE - DE ÁRIES A VIRGEM