SAGITÁRIO - O AUTÊNTICO ERRANTE


É o mundo da aspiração, do desejo de transcendência, da alegria de viver tendo entre as mãos uma empresa nobre e incansável. O universo está ali como um convite pessoal à aventura, ele aceita o convite e os momentos de descanso os utiliza para filosofar. Para ele não há mundos distantes, tudo está à mão, unicamente não se deve entrar em detalhes nem perder o  tempo em lamentações. Vê demasiado colorido e é feliz. Lhe é suficiente viver. Vivendo, que mais falta? se pergunta. Tudo está para adiante, nada para trás, a cada passo que dá corta as pontes para evitar que lhe ocorram enfermidades ou debilidades. Seu ambiente é  o ruído, os fogos artificiais, a exaltação de um estado feliz. A própria tristeza é apenas uma parte de sua alegria, que envolve tudo de uma maneira poderosa e desportiva. Considera toda vida como um jogo, uma olimpíada onde pode se destacar e brilhar sem fazer trapaças. Tem muita confiança em si mesmo e a comunica a quem se aproxima. É a filosofia do entusiasmo. O homem pode tudo e tem a Deus como aliado. Deus é toda a existência e é necessário percorrer seu corpo.
Ama a distância das montanhas, não pelas  montanhas senão pelos azuis. Sua personalidade é somente o reflexo de sua alma, e estando sua alma serena, a personalidade irradiada é o poder. Põe a um lado os débeis, sentido-os como intrusos. Caminha sobre as nebulosas lançando suas flechas para o inalcansável. A dúvida não pode penetrar nele, nem o ceticismo nem alguma debilidade. Sabe orar mas enquanto cavalga. Sua solidão final não é porque se tenha separado, mas porque os demais permaneceram no ócio. A comodidade é para ele uma limitação. Prefere estar sempre às intempéries, é a única maneira de se sentir cômodo, nada melhor que repousar em campo aberto sobre uma Terra que viaja e ser vigiado por Deus.
Ele não busca o mistério, ele vive intensamente a vida sem esperar nenhuma recompensa, nem aspirar a nenhum objetivo mais que o de sobrepassar todos os objetivos: é o verdadeiro, o autêntico errante.

Cosmossíntese - LaKaZa/FEEU

Sagittarius - Hevelius

A figura acima reproduz a imagem do Sagitário como visualizada por Hevelius na obra Uranografia (1690). O nome latino, Sagittarius, significa etimologicamente “arqueiro”, e no céu é tido como um centauro armado de arco e flecha, com a ponta voltada para o Escorpião. Os centauros eram representados na arte e mitologia grega como seres com tronco de homem e garupa de cavalo, geralmente selvagens e grosseiros. Mas nem todos os centauros compartilhavam dessa bestialidade. Quíron, descendente de Cronos, educado por Diana e Apolo tornou-se moralmente superior, hábil na caça, na música e na medicina. O ato virtuoso de Quíron ao trocar sua imortalidade para libertar o herói Prometeu rendeu-lhe um lugar no firmamento, representado entre as estrelas como a constelação de Sagitário.


Leia também:


Fonte da imagem: http://www.passionsearch.com/Dating-Friends/monthy-dating-horoscope/

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ORAÇÃO AO JUSTO JUIZ - ORAÇÃO DA PROSPERIDADE - ORAÇÃO DE AGRADECIMENTO

NÓDULOS LUNARES - DESCUBRA QUAL É O SEU CARMA

OS SIGNOS DO ZODÍACO: SUAS CORES, PEDRAS, FLORES... - 1ª PARTE - DE ÁRIES A VIRGEM