A ORDEM CRONOLÓGICA NAS ESCOLAS ESOTÉRICAS CRIADAS PELOS MESTRES ASCENSOS DA GRANDE FRATERNIDADE BRANCA

O texto que segue abaixo, foi e ainda continua sendo um dos mais esclarecedores que já li a respeito da Fraternidade Branca.
Este não é um texto fast-food e se você se interessar pelo tema, sugiro que leia com atenção, calma e vagar; principalmente os tópicos finais onde destaquei os textos na cor violeta.
Acredito que para podermos compreender e aceitar algumas coisas é importante sabermos tudo o que seja possível, não para julgar ou tirar conclusões, e sim para sabermos que todos nós inclusive "os portadores da luz" passam por toda sorte de coisas: crises, dificuldades, doenças, egos inflados, etc.
Aproveito também para parabenizar o Sr. Paulo Simões por sua coragem em esclarecer certos temas e por sua opinião com relação ao absurdo de algumas escolas não permitirem a divulgação na Internet dos textos ditados pelos Mestres Ascensos para toda a humanidade: 
- Os ditados são entregues pelos mensageiros à humanidade, como pode isto ser protegido por "direito autoral"? O mensageiro não é dono da mensagem, muito menos criador dela, ele é apenas o portador da mensagem para a humanidade; assim, a proibição da livre publicação destes ditados, via Internet, alegando direito autoral, é inaceitável.

Concordo plenamente!
Desejo a todos um boa leitura.

OS ÊXITOS E AS DIFICULDADES DOS MENSAGEIROS NAS ORGANIZAÇÕES


Este trabalho tem o objetivo de aumentar o conhecimento sobre as raízes históricas comuns entre as escolas de mistério posteriores a Rosacruz. Uma pesquisa que toma como base as idas e vindas dos mensageiros e suas interações com as organizações fundadas para carregar a mensagem dos Mestres Ascensos.

Com a criação da Escola Teosófica, os Mestres Ascensos iniciaram uma nova estrutura de ensino; uma seqüência de escolas criadas a partir do apoio de mensageiros da palavra de Deus. Depois veio a Agni Yoga, O Movimento EU SOU, A Ponte para a Liberdade e a Summit Lighthouse. Cada uma destas escolas tem um papel definitivo e importante para a libertação da humanidade.

Estas escolas são grandes bibliotecas dos ensinamentos esotéricos dos Mestres. Este é o caminho para a "Revelação Progressiva de Deus", criado para os filhos e filhas da Luz.

Ao invés de idolatrarmos as escolas ou seus mensageiros, precisamos aprender a reverenciar a verdade viva contida nos ensinamentos, procurando estudar para manifestar o ensinamento vivo, agindo no aqui e agora, assim como Jesus Cristo demonstrou tão bem.

Saint Germain, Maha Chohan, Grande Diretor divino, entre outros Mestres iluminados, tiveram o auxílio terrestre de madame Blavatsky e dos Mestres mahatmas tibetanos, El Morya e Kuthumi, que na época ainda se encontravam encarnados, para criar a Sociedade Teosófica. Morya era, naquela época, um príncipe Rajput que lutava para levar as antigas verdades espirituais do Oriente para as tradições do Ocidente.

El Morya e Kuthumi, mesmo depois de ascensos, mantiveram-se trabalhando para que os filhos da Luz tivessem acesso fácil aos ensinamentos, livres para estudar e poder colocar em prática a verdade espiritual para a libertação de suas almas.

A grande questão, agora que os mensageiros destas escolas  não estão mais participando de seus quadros de comando, é: 
- Estarão os atuais responsáveis por estas escolas, dando continuidade ao trabalho dos mensageiros? Será que as mensagens estão sendo disponibilizadas ao grande público como idealizaram os Mestres Ascensos? Estarão os filhos de Deus aproveitando a oportunidade que agora está à disposição de todos?

Os estudantes dos ensinamentos dos Mestres Ascensos precisam aprender a não idolatrar as instituições, os seus mensageiros e os dirigentes atuais. Todas estas escolas contêm ensinamentos sagrados e podemos estudá-las sem pertencermos a nenhuma delas exclusivamente.

Podemos nos filiar a qualquer uma destas escolas, mas não podemos permitir que nenhuma delas nos impeça de estudar a outra.

O ensinamento é a mensagem; esta foi a razão para a criação destas escolas e do preparo de mensageiros da palavra sagrada. É triste ver que nos bastidores, alunos, professores e dirigentes das escolas disputam entre si a posição de escola única da Fraternidade, quando na realidade, todas foram criadas pelos Mestres Ascenso, e com um só objetivo: levar o conhecimento a todos os seres humanos que estejam preparados para recebê-lo.

Que este trabalho possa ajudar vocês a entender mais sobre a unidade necessária para atingirmos a vitória da divulgação destes ensinamentos.

AS ESCOLAS QUE TIVERAM MENSAGEIROS

Este trabalho está subdividido em 3 partes principais:

- AS ESCOLAS E SEUS MENSAGEIROS
- A ORDEM CRONOLÓGICA PARA CADA ESCOLA.
- OBSERVAÇÕES SOBRE AS CRISES NAS ASSOCIAÇÕES:

A antiga  e mística ORDEM ROSACRUZ - não faz parte deste estudo sobre as escolas que tiveram mensageiros, mas trazemos algumas informações para o seu conhecimento:

A Ordem Rosacruz, AMORC, é conhecida internacionalmente por seu título tradicional, "A Antiga e Mística Ordem Rosacruz". Do latim "Rosae Crucis" significando "Cruz Rosada". A cruz simbolicamente representa o corpo humano e a rosa representa a alma do indivíduo expandindo sua consciência.

A linhagem do movimento Rosacruz pode ser traçada desde o início nas escolas de mistério do Egito antigo, quando foi então fundada pelo Faraó Tutmoses III (1500 a 1477 a.C.), e mais particularmente, por seu neto o Faraó  Amenhotep IV  (também conhecido como Akhnaton).

Cronologicamente o primeiro manifesto público foi na Alemanha por volta de 1610. Em 1693 os rosacruzes foram para a América do Norte e tiveram participação efetiva na Fundação dos Estados Unidos. Em 1915 o Dr. H. Spencer Lewis formou o primeiro Conselho Supremo da Ordem em Nova York - Atualmente com sede em São José - Califórnia - EUA. 

A Ordem Rosacruz só veio em 1956 para o Brasil, onde se estabeleceu no Rio de Janeiro, e em 1960, a sede foi transferida para Curitiba, onde foi construído um grande e lindo templo.

A Rosacruz não é conhecida por mensagens dos Mestres Ascensos via mensageiros, mas sim, pelos antigos ensinamentos que transmite, razão pela qual está fora deste estudo.

AS ESCOLAS E SEUS MENSAGEIROS
Helena Blavatsky

A) A SOCIEDADE TEOSÓFICA - Helena Blavatsky e o coronel Henry Steel Olcott fundaram a Sociedade Teosófica, sob a direção de El Morya, em 07 de setembro de 1875, na cidade de Nova Iorque. A origem da palavra Teosofia é grega e significa "Sabedoria Divina". O discurso inaugural foi realizado pelo Presidente fundador Olcott em 17 de novembro, data que é considerada oficial da fundação desta organização.  Em 1879, transferiram a sede  para Bombaim, na Índia, e, em 1882, para Adyar, Madras (atualmente Chennai), no sul da Índia, onde permanece até hoje. Seu crescimento foi  forte até a separação de Krishnamurti, quando perdeu muitos de seus membros, a partir de 1929. 

O Programa Original da Sociedade Teosófica, emitido por Blavatsky em 1886, tinha como objetivo o seguinte:

1 - A Fraternidade Universal. 2 - Nenhuma distinção poderá ser feita por qualquer membro entre raças, credos, posições sociais, devendo cada um ser retratado de acordo com os seus méritos pessoais. 3 - Estudar as filosofias do Oriente - especialmente as da Índia, apresentando-as gradualmente ao público em vários trabalhos que interpretarão as religiões esotéricas à luz dos ensinamentos esotéricos. 4 - Oposição ao materialismo e ao dogmatismo teológico de todas as formas possíveis, demonstrando a existência de forças desconhecidas da ciência na natureza, e a presença de poderes psíquicos e espirituais no homem.

A missão da Sociedade Teosófica era preparar o mundo para a vinda de um grande professor espiritual, esperado no último quarto do século 20, ou seja, entre 1975 e 2000. O texto escrito por Blavatsky diz:

“Se a tentativa presente, na forma da nossa Sociedade, prosperar melhor que seus predecessores fizeram, então existirá como uma organização viva e saudável, quando chegar o século XX. A condição geral das mentes dos homens e seus corações serão melhores e eles terão sido purificados pela expansão dos ensinamentos, e, como disse, seus preconceitos e ilusões dogmáticas terão sido, até certo ponto, finalmente retirados.

Não somente isso, mas além do mais, uma grande literatura, estará acessível e pronta nas mãos dos homens, o próximo impulso, encontrará um numeroso corpo unido de pessoas, pronto para receber o novo portador da tocha da Verdade. Ele encontrará as mentes dos homens, preparadas para a sua mensagem, uma linguagem pronta para ele vestir as novas verdades que trará. Ele terá uma organização esperando sua chegada, que retirará os obstáculos materiais meramente mecânicos e dificuldades de seu caminho.

Pense o quanto, alguém que recebe tamanha oportunidade, poderá realizar. Meça-o por comparação com o que a Sociedade Teosófica alcançou nos últimos quatorze anos, sem qualquer uma destas vantagens e cercado por anfitriões de obstáculos que não impedirão o novo líder. Considere tudo isto, e então contem-me se sou otimista demais quando digo que se a Sociedade de Teosófica sobreviver para viver a verdade da sua missão, de seus impulsos originais pelo longo de cem anos -- contem-me, eu digo, se estou exagerando em afirmar que esta Terra será um céu no século 21, em comparação com o que está agora!”

H.P. Blavatsky, A CHAVE PARA A TEOSOFIA - 1889

A Sociedade Teosófica só veio para o Brasil em 1910. A fundação aconteceu em 17 de novembro de 1919, no Rio de Janeiro,  por iniciativa de Raimundo Pinto Seidel. Atualmente possui Lojas e Grupos de Estudo em diversas cidades do Brasil, estando a sede da Seção Nacional, na cidade de Brasília.

Os Mensageiros e ou dirigentes da Sociedade Teosófica foram:

1) Helena Petrovna Blavatsky, que foi sucedida por Annie Besant. 
William Q. Judge saiu para criar sua própria organização.

2) Annie Besant, foi sucedida por Charles W. Leadbeater. 
Rudolph Steiner saiu da organização nesta época.

3) Charles W. Leadbeater foi sucedido por Krishnamurti, que seguiu independente.

4) Krishnamurti, tecnicamente falando, não era um Mensageiro dentro da Sociedade Teosófica, mas dentro da sua própria organização, a Ordem da Estrela.

5) Cyril Scott, David Anrias, Jinarajadasa e Geoffrey Hodson, todos, seguiram de forma privada, e sem criar novas escolas.

Nicholas Roerich

B) A SOCIEDADE AGNI YOGA : Foi fundada em 1920 em Nova York - EUA, por Nicholas e Helena Roerich. A expressão Agni Yoga é do sânscrito Agni: Fogo e Yoga: união;  do latim "jungare" unir-se; união divina. A união do homem com Deus através do Fogo Sagrado.


Inspirados pelas tradições védicas, assim como pelo budismo e também, por escritos de Blavatsky, na escola Teosófica, os Roerich publicaram a série de livros "Agni Yoga", com conteúdo inspirado pelos mahatmas e Mestres da Grande Fraternidade Branca.

Os Roerich associaram-se à Sociedade Teosófica, em Londres, em 1920, mas distanciaram-se devido ao grave conflito sobre Annie Besant e Krishnamurti.

Já em 1920, Nicholas Roerich recebia mensagens do Mestre Morya. Alunos faziam perguntas e Nicholas escrevia as respostas dos Mestres. Algumas destas mensagens eram apenas para os Roerich, separadamente, para a compilação de livros que hoje estão à disposição para estudos.

Os ensinamentos da Agni Yoga estão no Brasil sem uma representação oficial, mas na forma de livros traduzidos para o português e de alguns professores individuais.

Guy e Edna Ballard

C) O MOVIMENTO I AM - Conhecido no Brasil como Movimento EU SOU. Foi fundado em Chicago - EUA no início dos anos 30 pelos Sr. e Sra. Ballard (hoje Mestres Ascensos Godfre e Lótus). Foi em agosto de 1930 que o Mestre Ascenso Saint Germain contatou Guy Ballard aos pés do Monte Shasta, na Califórnia, e explicou a ele certos aspectos da lei cósmica e da história da humanidade.

Esta bela experiência foi registrada no livro "Mistérios Desvelados" e este foi o prenúncio da Nova Idade de Ouro. Sob uma nova dispensação, dada a Saint Germain, os Mestres Ascensos, puderam levar os ensinamentos que só eram conhecidos por Mestres em templos sagrados, livremente para a humanidade, como por exemplo: o conhecimento sobre a Presença EU SOU individualizada, a utilização prática da Transmutadora Chama Violeta, o uso do nome Criativo de Deus "EU SOU" em decretos e invocações e a possibilidade da ascensão na Luz, conquistando a libertação da roda viva das encarnações sem fim.

Depois das experiências no Monte Shasta, Guy Ballard recebeu mais de 3000 mensagens que foram incorporadas em outros livros. Porém, depois da ascensão do Senhor Ballard em 1939, estes livros, por aproximadamente 40 anos, não foram disponibilizados ao público em geral.

Muitos dizem ser esta a razão pela qual os Mestres contataram Geraldine Inocente para a criação de outra escola, a Ponte para a Liberdade.

O Movimento EU SOU cresceu até a morte dos Ballard, não se sabe ao certo a quantidade de membros da época.

O movimento EU SOU possui Santuários em São Paulo e no Rio de Janeiro. Não há divulgação dos ensinamentos em português, embora a Ponte para a Liberdade tenha traduzido alguns de seus livros, entre eles: "Mistérios Desvelados"; "Presença Mágica" e "Discursos do EU SOU" este último foi traduzido em português com o título de "O Livro de Ouro de Saint Germain". 

Os Mensageiros e ou dirigentes do Movimento EU SOU foram:

1) Guy Ballard que foi sucedido por Edna Ballard.

2) Edna Ballard que não foi sucedida por ninguém.

3) Geraldine Innocente e Frances Ekey, que saíram para criar sua própria organização.

Geraldine Innocenti


D) A PONTE PARA A LIBERDADE

A Lei de Conservação de Energia aplica-se também aos Mestres Ascensos. A Grande quantidade de energia liberada por Eles precisaria ter sido retornada pela humanidade à Fonte Suprema. Como os dirigentes do Movimento EU SOU deixaram de publicar os ditados originais, novos estudantes ficaram impossibilitados de acessar este maravilhoso material e os Mestres tiveram que buscar um outro caminho para trazer suas mensagens. Assim, a Grande Fraternidade Branca recebeu uma nova dispensação e os Mestres começaram a treinar Geraldine Innocente, em 1944, como sua nova mensageira. Geraldine só realizou seu primeiro ditado em 17 de julho de 1951, trazendo uma mensagem da Amada Mestra Vesta, quando a Ponte foi então fundada em Long Island – EUA, em 1951. .

Em um ditado de Godfre dado ao mensageiro Mark Prophet em dezembro de 1958, o Mestre disse que o Movimento EU SOU foi a manifestação da chama do Poder divino e a Ponte para a Liberdade foi uma manifestação da chama da Sabedoria divina para o mundo.

Geraldine Innocente fez sua passagem, sem ascensionar,  em 1961, após uma overdose do medicamento que ela estava tomando para sua saúde. Infelizmente, depois de sua passagem, os mesmos erros anteriores foram repetidos. Outra vez, as mensagens dos Mestres não acharam uma possível distribuição em larga escala. Somente 10% do material original foi publicado pelos sucessores dirigentes da Ponte. Apenas anos mais tarde, quando Annette Schroeder fundou a “Fundação dos Ensinamentos dos Mestres Ascensos” as publicações da Ponte, encontraram o rumo certo.

No início dos anos setenta, vieram às mãos da Sra. Silvina Rohde Diederichs, de maneira inteiramente casual, uns livretos contendo ensinamentos dos Mestres da Grande Fraternidade Branca, editados pela Ponte da Liberdade e em Inglês.

Encantada com o valor daquelas mensagens, resolveu escrever àquele Movimento nos Estados Unidos e pedir autorização para publicá-las em Porto Alegre. A autorização foi-lhe concedida e assim surgiram os primeiros livros.

Mais tarde, voltou a solicitar licença, e foi autorizada a realizar os cerimoniais recomendados e a registrar o Movimento no Brasil.

Os Mensageiros e ou dirigentes da Ponte foram:
1) Geraldine Innocente que foi sucedida por Lucy Littlejohn.
2) Mark Prophet e Frances Ekey, que saíram para criar sua própria organização, A. D. Luk seguiu independente
3) Lucy Littlejohn foi sucedida por um grupo de canalização.
4) Peter Lewis saiu para criar sua própria organização.

Mark e Elizabeth Clare Prophet

E) A SUMMIT LIGHTHOUSE A Summit Lighthouse foi fundada em 07 de agosto de 1958, em Washington D.C., por Mark L. Prophet, sob o patrocínio do Mestre Ascenso El Morya.

Mark L. Prophet (1918-1973) foi um místico, um mensageiro dos Mestres Ascensos e casado com Elizabeth Clare Prophet. Quando Mark tinha  17 anos, ele foi contatado pelo Mestre Ascenso El Morya. Devido à sua educação cristã fundamentalista, Mark mandou o Mestre embora. Anos mais tarde, Mark decidiu seguir El Morya e o Mestre retomou seu contato com ele. Entre 1952 e 1958, Mark compilou uma série de cartas de El Morya, chamadas Notas do Ashram. Essas cartas contêm profundo ensinamento e uma série de rituais concebidos para ajudar as pessoas a elevar sua consciência e reduzir o sofrimento no mundo.

Mark Prophet trabalhou incansavelmente para publicar os ensinamentos dos Mestres Ascensos e colocar o alicerce para a continuação do trabalho por sua esposa. Juntos publicaram mais de 75 livros e iniciaram em 1960, conferências trimestrais para passar mensagens dos mestres ascensos,  e para explicar seus ensinamentos.

Entre 1958 e 1973, Mark L. Prophet deu mais de 1000 ditados de vários Mestres Ascensos, arcanjos e outros seres espirituais adiantados.

Após a transição de Mark, Elizabeth Clare Prophet assumiu a liderança da Summit Lighthouse, e atuou como escritora, palestrante e líder espiritual. A vasta obra que ela produziu inclui mais de 1800 mensagens dos Mestres para a humanidade

Ela proferiu palestras por todo os Estados Unidos e em 28 países, tendo falado em 150 cidades e 6 continentes. Alguns de seus tópicos preferidos são: a evolução da alma, anjos, chamas gêmeas e almas companheiras, profecia, psicologia espiritual, carma e reencarnação, e técnicas que visam equilibrar o carma, especialmente utilizando-se de uma energia espiritual conhecida como chama violeta.

A Summit Lighthouse foi criada com o propósito de publicar e distribuir os ensinamentos da Grande Fraternidade Branca. Mark L. Prophet, Frances K. Ekey e Chrystel F. Anderson, foram os primeiros a formar a diretoria da Summit. A Summit cresceu muito até o “ciclo dos abrigos nucleares”, quando perdeu muitos de seus membros.

A Summit no Brasil teve seu início em 1986, por iniciativa de Maria Lúcia de Andrade Vieira que após concluir a Summit University na Califórnia, EUA, montou um pequeno grupo de estudos no Rio de Janeiro. No ano seguinte, em 1987, Maria Lúcia iniciou uma turnê para expandir os ensinamentos da Summit a muitos estados do Brasil; começando por duas palestras em São Lourenço, MG e culminando com a criação do grupo de Salvador, BA, que ficou sob a direção da guardiã da chama, Sônia Soares.

Ainda em 1987, Maria Lúcia contatou Carlos Maurício Prado, seu colega de classe da Summit University, que se encontrava divulgando a Summit em Portugal; ela financiou a edição do livro "A Ciência da Palavra Falada", que havia sido traduzido por Carlos. Este foi o primeiro livro da Summit a ser vendido no Brasil. Maria Lúcia contatou Maria Cristina Araújo neste mesmo ano, residente em Malibu, EUA, e providenciou a vinda de 1000 livros, "Alquimia de Saint Germain" (em português) e distribuiu pelas livrarias do Brasil, para a divulgação da Summit e expansão dos ensinamentos no Brasil.

Em 1988, Carlos Maurício veio para o Brasil, como representante oficial de Elizabeth C. Prophet e com a missão de registrar a Summit no Brasil definitivamente. Maria Lúcia continuou divulgando a Summit e apoiando a missão de Carlos Maurício, organizando para ele e acompanhando-o pessoalmente, em uma turnê a vários estados do Brasil; ela financiou ainda a edição de um terceiro livro da Summit, em português:  "Estudos da Aura Humana".

Mauricio registrou a organização em Brasília, em 15 de janeiro de 1990.

A partir de 1995, Maria Lúcia passou a expandir os ensinamentos dos Mestres, através de programas na Rádio Educativa do Paraná,  Rádio Clube Paranaense e Rádio Mundial de São Paulo; acumulando durante os anos de  1999 e 2000, um cargo de diretoria na Summit Lighthouse, em São Paulo, quando afastou-se para trabalhar diretamente com Paulo Rodrigues Simões no projeto de expansão dos ensinamentos das escolas de mistério, pela Internet, com o site grandefraternidadebranca.com.br.

Os Mensageiros e ou dirigentes da Summit foram:

1) Mark Prophet que foi sucedido por Elizabeth Clare Prophet.

2) Elizabeth Clare Prophet que se aposentou com problemas de saúde, e não foi sucedida por ninguém. Sua filha Erin Prophet foi treinada para sucedê-la, mas por uma razão desconhecida, isto não aconteceu.

II) A ORDEM CRONOLÓGICA PARA CADA ESCOLA.:

A SOCIEDADE TEOSÓFICA

1851: El Morya Khan contatou Helena Petrovna Blavatsky.

1851 - 1873:  A partir de 1851, foram 23 anos de preparação, onde Blavatsky passou a ser uma fiel discípula de El Morya, obedecendo-lhe inteiramente. Sob a orientação do Mestre, aprendeu a controlar e dirigir as forças a que estava submetida em razão de sua natureza excepcional. Essa orientação conduziu-a através de várias e extraordinárias experiências nos domínios da "magia" e do ocultismo. Aprendeu a receber mensagens dos Mestres e a transmiti-Ias aos seus destinatários, e a enfrentar valentemente todos os riscos e incompreensões de seu caminho. Viajou o mundo inteiro e passando muitos anos nas regiões do Himalaia, onde estudou em mosteiros, ensinamentos de alguns dos Mestres mais esclarecidos e espirituais do passado. Estudou a Vida e as Leis dos mundos ocultos, assim como as regras que devem ser cumpridas para o acesso a eles.

1874: Blavatsky encontra Henry Steel Olcott

1875: Blavatsky, Henry S. Olcott e William Quan Judge fundaram a Sociedade de Teosófica. Blavatsky foi investida pelos Mestres com a responsabilidade de atuar como instrutora apresentando ao mundo a Doutrina Secreta dos Mestres Ascensos. Ao Coronel Olcott foi delegada a incumbência de organizar a Sociedade, o que ele fez com notável eficiência.

1877: Para ilustrar suas afirmações, Blavatsky publicou seu primeiro livro "Isis  sem Véu" uma obra ditada a ela pelos Mestres. Neste livro, ela lançou o peso da evidência colhida em todas as Escrituras do mundo e em outros anais contra a ortodoxia religiosa, o materialismo científico e a fé cega, o ceticismo e a ignorância. Foi recebida com agravos e injúrias, mas não deixou de impressionar e esclarecer o pensamento mundial.

1878 - 1879: O cel. Olcott e a Sra. Blavatsky partiram para a Índia e William Judge ficou dirigindo a seção Americana da Sociedade Teosófica. Em Bombaim construíram os primeiros e sólidos alicerces do seu trabalho e a Sociedade expandiu-se rapidamente de país em país.

1882: Annie Besant se converte na Sociedade Teosófica

188?: Charles Webster Leadbeater se correspondia com o então ainda não Ascenso e ainda encarnado, Mestre Kuthumi e se converte na Teosofia.

1887 - 1891: Foram talvez, os anos mais produtivos de Blavatsky, quando pôde terminar de escrever o livro “A Doutrina Secreta” e iniciar  mais dois importantes trabalhos: “A Voz do Silêncio” e "As Chaves da Teosofia". Passou este tempo entre Londres e Paris.

1891: Blavatsky faz sua transição no dia 8 de maio, na cidade de Londres.

1891: Annie Besant, William Judge e Olcott dirigem a Sociedade Teosófica.           

1895: William Judge diverge das idéias de Annie Besant e Olcott separando-se da seção Americana da Sociedade Teosófica e fundando sua própria escola.

1898: Ascensão de El Morya Khan.

1905: Foi estabelecida legalmente a sede internacional da Sociedade Teosófica, no bairro de Adyar, na cidade de Chennai (antiga Madras), estado de Tamil Nadu, no sul da Índia, onde permanece até hoje.

1906: Charles Leadbeater renuncia à Sociedade Teosófica

1907: Olcott fez sua transição.

1907: Annie Besant líder incontestável da Sociedade de Teosófica.

1908: Annie Besant reintegra Leadbeater na organização. Muitos membros renunciam.

1909: Leadbeater descobre Krishnamurti, filho de Jiddu Narianiah, que era secretário-assistente da Sociedade Teosófica na época. Impressionado com a capacidade de aprendizado espiritual demonstrada pelo pequeno Krishnamurti, Leadbeater passa a educá-lo para ser um dos grandes instrutores do mundo.

1911: Criada a Fundação da “Ordem Internacional da Estrela do Oriente”, que tinha como objetivo reunir aqueles que acreditavam na posição de Krishnamurti como "Instrutor do Mundo". 

1913: Rudolf Steiner teve grandes divergências com Annie Besant e separou-se da Sociedade Teosófica, criando a Sociedade Antroposófica, ele foi acompanhado por um grande número de membros da Seção Alemã da ST.

1910s: Annie Besant dedica seu tempo e energia para a independência da Índia. Leadbeater torna-se cada vez mais um mensageiro dos Mestres para a Sociedade Teosófica.

1923: Steiner faz sua transição.

1925: Krishnamurti recebe o manto de Maitreya.

1929: Krishnamurti dissolve a “Ordem da Estrela”, repudiando a posição de guru.

1933: Annie Besant fez sua transição.

1934: Leadbeater fez sua transição.

1986: Krishnamurti fez sua transição.

Em 1971, quando Grace F. Knoche passou a dirigir a Sociedade Teosófica norte americana, ordenou a liberação de muitos materiais de ensino e livros para serem acessados livremente na Internet, sem custo algum. Ela encorajava também, o respeito mútuo e a cooperação entre todas as organizações teosóficas. Grace assumiu uma postura que deveria ser seguida por todos os dirigentes das escolas dos Mestres Ascensos e é hoje um exemplo a ser seguido por todas as escolas - ENSINO LIVRE PARA TODOS!. Confira o site pelo endereço: www.theosociety.org/pasadena/tup-onl.htm 

A SOCIEDADE AGNI YOGA

Durante os anos 20 e 30, o Mestre Ascenso El Morya trabalhou na fundação da Agni Yoga, com Nicholas e Helena Roerich, que apresentaram os seus escritos em diversas obras publicadas.

A Agni Yoga é outro exemplo a ser seguido, onde todas as suas obras estão disponíveis gratuitamente na Internet. http://www.agniyoga.org/

O MOVIMENTO EU SOU

1930: Saint Germain contacta Guy Ballard.

1934: Começa o Movimento EU SOU.

1939: Guy Ballard ascensiona.

1940: Edna Ballard, é acusada de fraude de correio.

1943: Edna começa a ditar as mensagens dos Mestres.

1952: Geraldine Innocente e Frances Ekey separaram-se do Movimento EU SOU para montar sua própria organização, a "Ponte para a Liberdade".

1971: Edna faz sua ascensão. 

A PONTE PARA A LIBERDADE

1944: El Morya e Maha Chohan começam a contatar Geraldine Innocente.

1951: Geraldine Innocente e Frances Ekey fundaram a Ponte para a Liberdade.

1952: Sai a primeira edição do Jornal “Ponte para a Liberdade”.

1958: Os membros  da Ponte, Mark L. Prophet e Frances Ekey deixam a Ponte para fundar
sua própria organização.

1961: Geraldine faz sua transição. Em seu lugar fica Lucy Littlejohn.  

1980: O membro da Ponte, Peter Lewis, deixa a Ponte para criar a “Fundação para o Aprendizado do mais Alto Conhecimento Espiritual”.

1980: Annette Schroeder inicia a “Fundação dos Ensinamentos dos Mestres Ascensos”, com a missão de publicar os ensinamentos da Ponte para a Liberdade.

A SUMMIT LIGHTHOUSE

1952: El Morya contacta Mark Prophet.

1958: Mark Prophet e Frances Ekey fundam a “Summit Lighthouse of Freedom” e lançam as primeiras Pérolas de Sabedoria.

1959: Os membros Frances Ekey e Mark Prophet separam-se e Mark fica com o nome "Summit Lighthouse" e Frances fica com o nome "Lighthouse of Freedom".

1961: El Morya contata Elizabeth Clare Wulf e a envia para Mark Prophet para ser treinada como mensageira.

1961:  Mark fundou a Fraternidade dos Guardiães da Chama, sob a direção do Mestre Ascenso Saint Germain.

1968: Frances Ekey faz sua transição.

1971: Annette Schroeder separa-se da Summit Lighthouse e volta para a Ponte para a liberdade.

1971: Mark fundou a Summit University para aqueles que querem estudar os caminhos místicos das diversas religiões e obter um conhecimento mais profundo dos ensinamentos dos Mestres Ascensos.

1973: Em 26 de fevereiro de 1973, Mark fez sua ascensão e  foi sucedido por Elizabeth Clare Prophet na liderança da Summit Lighthouse. Ele se reuniu a Deus no ritual da ascensão e é agora conhecido como o Mestre Ascenso Lanello.

1975: Elizabeth funda a "Igreja Universal e Triunfante".

1988: A Summit começa o “ciclo dos abrigos nucleares” em Montana, EUA.

8/8/1988: Devido a uma série de dispensações dadas aos chelas da Summit Lighthouse, que não foram devidamente utilizadas durante os anos, El Morya deu um ditado dizendo que estava sendo colocado "no banco", sem ação para poder ajudar a escola e os chelas, que não receberia mais dispensações, até que os chelas atuassem de acordo com o "código de conduta" exigido pelos Mestres.

8/8/1989: Após uma intensa maratona de decretos para El Morya, que durou um ano, realizada por chelas de todo o planeta, El Morya deu um ditado confirmando ter sido liberado do "banco", voltando a comandar a Summit Lighthouse no plano espiritual.

1990: A membro da organização e filha de Elizabeth, Erin Prophet é treinada para ser a futura  mensageira (o que nunca ocorreu). 

1990: Registrada a Summit Lighthouse do Brasil.

1997: 30 de abril, El Morya retira a proteção aos chelas (guardiães da chama) como um todo, passando a proteger somente aqueles guardiães que se dedicassem ao desenvolvimento espiritual e aos comandos de luz, obedecendo ao "código de conduta" estabelecido.

"Eu, El Morya Khan, Chefe do Conselho de Darjeeling, por meio deste, anuncio a remoção do fio que origina-se de meu manto ao coração da mensageira, aos seus corações, para o assegurar do equilíbrio de suas correntes de vida. A dispensação deste fio, que é um fio de proteção, foi feito possível por causa dos códigos de conduta estabelecidos e patrocinados por mim no passado. Seu mérito para minha intercessão agora, estará baseado sobre a sua própria energia de decretos, sua devoção à sua Divina Presença e em seu serviço à humanidade. Possam vocês passar todos os testes!" 

1998: 25 de novembro. Logo depois de parar de transmitir os ditados dos Mestres, Elizabeth Prophet foi diagnosticada com a doença do mal de Alzheimer.

1999: Elizabeth Clare Prophet se aposenta por problemas de saúde. 

2009: 15 de outubro. Elizabeth Clare Prophet fez sua transição para o plano do espírito.

III) OBSERVAÇÕES SOBRE AS CRISES NAS ASSOCIAÇÕES:

- Houve crises nas associações da Sociedade Teosófica e no Movimento EU SOU, porque Krishnamurti e Ballard respectivamente não conseguiram preencher as expectativas dos associados. Krishnamurti repudiou o conceito da Sociedade Teosófica de Instrutor Mundial e Ballard morreu sem ascender fisicamente, como esperado por seus seguidores.

- Crises nas associações do Movimento EU SOU e Summit Lighthouse, por causa da imprensa negativa. O Movimento Eu Sou foi acusado de fraude via correio e o ciclo dos abrigos nucleares da Summit, começaram um período de intensa especulação da imprensa, intensificado por ex-membros através da internet que acusavam a Summit de fazer dinheiro com a venda de terras e abrigos.

- Crises nas associações da Ponte e da Summit, por causa de capacidade diminuída de seus mensageiros. Geraldine sofreu de problemas psicológicos sérios e Elizabeth com a doença de  Alzaimer.

- Problemas com as associações da Sociedade Teosófica e Movimento EU SOU, por causa de uma dramática mudança econômica e situação política. Depois da resignação de Krishnamurti a depressão econômica mundial teve um impacto negativo na Sociedade Teosófica e a 2ª Guerra Mundial pode ter tido um forte impacto negativo no Movimento EU SOU.

- Problemas com as associações em todas as organizações, porque muitos membros mudaram suas associações para organizações sucessoras competitivas.

- A Sociedade Teosófica perdeu membros na separação com William Judge e Steiner, embora tenha restabelecido sua posição nos EUA, mas não na Alemanha.

- A Sociedade Teosófica perdeu membros para Krishnamurti, embora muitos tenham permanecido como membros.

- Porque Guy Ballard começou seu Movimento EU SOU independente da Sociedade Teosófica, é difícil calcular quantos membros da Sociedade Teosófica uniram-se ao Movimento EU SOU.

- Nos anos 50, muitos, se não a maioria dos membros da Ponte, vieram do Movimento EU SOU.

- Mais tarde, a Ponte perdeu muitos membros para a Summit Lighthouse.

- O declínio das associações em todas as quatro organizações, parece nem sempre ter sido causado pela falta de um mensageiro ativo. A Sociedade Teosófica e o Movimento EU SOU declinaram após Krishnamurti ter resignado e Guy Ballard fazer sua passagem. Nos dois casos, mesmo as organizações tendo outros mensageiros para servir.

A Sociedade Teosófica tinha Leadbeater e Geoffrey Hodson. O Movimento EU SOU tinha Edna Ballard e seu filho Donald como mensageiros.

A Ponte aparentemente declinou após a crise de 1958, três anos antes de Geraldine fazer sua transição, e a Summit declinou durante o ciclo dos abrigos nucleares, muitos anos antes de Elizabeth se aposentar.

CONCLUSÃO FINAL

- O destino destas organizações poderia ter sido diferente se eles tivessem estabelecido um relacionamento construtivo e positivo com as suas organizações sucessoras genuínas.

- A Ponte fez algumas tentativas em aliar-se com a Sociedade Teosófica, com o Movimento EU SOU, com a Ciência Cristã e com alguns grupos Rosa-cruzes, mas não obteve sucesso.

- Os Mestres Ascensos tiveram um trabalho imenso para trazer os ensinamentos para a humanidade, o que levou um tempo considerável, desde o início, quando El Morya contatou Helena Blavatsky em 1851, até 1999 com o último ditado com Elizabeth Clare Prophet .

- São milhares de cartas com ensinamentos maravilhosos, todas à espera  da leitura de filhos da luz interessados em evoluir seus conhecimentos esotéricos.

- Muitas são as escolas que estão surgindo e reivindicando a posição de novo mensageiro dos Mestres para a humanidade. Nós da Grande Fraternidade Branca.com.br sabemos que eles podem escolher um novo mensageiro a qualquer momento, porém, agora é hora de divulgar e colocar em prática o grande montante de Ensinamento já liberado por estas 5 escolas.

- Escolas com mensageiros acabam sendo um caminho para a idolatria. Muita gente se filia a estas escolas em busca da proximidade dos Mestres se esqueçam-se de colocar os ensinamento em prática, buscando os Mestres no interior de seus corações.

- Sabemos que já são muitos os grupos no mundo, que como nós, dedicam-se a estudar e a transmitir o material que foi liberado pelos mestres através de seus mensageiros.

- Baseado nesta cronologia apresentada, vemos que mesmo as escolas não se reconhecendo entre si, nós os filhos da Luz, precisamos agarrar está oportunidade ímpar de acessar os livros e cartas de todas estas escolas e estudar seus ensinamentos com afinco, levando sempre em conta que o melhor ensino é aquele que nos conecta com o único e verdadeiro caminho de volta ao lar (LUZ).

- É inaceitável que os dirigentes das escolas, após o afastamento dos mensageiros, mantenham estas publicações a um número reduzido de privilegiados, seja pelo alto custo dos materiais seja pela incapacidade de disponibilização gratuita via Internet.

- Os ditados são entregues pelos mensageiros à humanidade, como pode isto ser protegido por "direito autoral"? O mensageiro não é dono da mensagem, muito menos criador dela, ele é apenas o portador da mensagem para a humanidade; assim, a proibição da livre publicação destes ditados, via Internet, alegando direito autoral, é inaceitável.

- Mais uma vez parabenizamos a Agni Yoga e a Escola Teosófica por disponibilizarem gratuitamente os ensinamentos na Internet.

A Summit Lighthouse oferece em seu site norte americano, alguns de seus ensinamentos e uns poucos livros, www.tsl.org gratuitamente, mas, assim como o movimento I Am e a Ponte para a Liberdade não disponibilizam os seus quase 3000 ditados dos Mestres, livremente para acesso na Internet.

- Os mensageiros fizeram três quartos da missão, liberando os ensinamentos dos Mestres Ascensos para que todo homem, mulher e criança deste planeta tenham a oportunidade de encontrar a verdade. O quarto restante compete aos discípulos dos Mestres. Vejam então, que todos os discípulos sinceros que ativamente buscarem levar os ensinamentos para a humanidade, terão o apoio dos Mestres Ascensos para ajudá-los neste trabalho.

Que os Mestres atinjam seus objetivos de expansão dos ensinamentos,

Vitória Sempre na Luz de Deus,

Paulo Rodrigues Simões e Maria Lúcia Vieira

Copyright © Paulo Rodrigues Simões - 2004 - Todos os Direitos Reservados - Autorizamos a reprodução do conteúdo desta página em outras páginas da web,  para fins de estudo, exclusivamente. Porém, comunicamos que as nossas obras estão protegidas pela lei dos direitos autorais, o que nos reserva o direito de exigir a indicação dos nomes dos autores e a  fonte das obras utilizadas em estudos.
Ao utilizar nossos textos, indique sempre o web site - www.eusouluz.com.br

Comentários

  1. Olá Soraia,
    Obrigada mais uma vez de compartilhar estes textos aqui no seu blog.
    Fiquei aqui pensando com meus botões que realmente é estranho um conhecimento que deveria ser divulgado para o maior número possível de pessoas ficar restrito somente a quem tem condições de pagar ou então a quem somente faz parte desta ou daquela vertente.

    Também penso que nós humanos ainda temos um longo caminho a percorrer.. penso que mesmo pessoas espiritualizadas como estas acima, tinham seus próprios interesses e nem todas corresponderam as expectativas dos mestres que as procuraram para difundir a suas mensagens.

    Realmente temos que seguir nossos corações e não somente as palavras de outras pessoas. Gostei muito do alerta no texto:

    " - Escolas com mensageiros acabam sendo um caminho para a idolatria. Muita gente se filia a estas escolas em busca da proximidade dos Mestres se esqueçam-se de colocar os ensinamento em prática, buscando os Mestres no interior de seus corações."

    Beijos e boa semana!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Naelyan!

      Concordo com você.
      Este texto que poderia ser chamado de "um tiro no pé" fala aberta e rasgadamente sobre as escolas e seus representantes e toca num ponto importantíssimo: a idolatria.
      Gosto demais dos livros que tenho sobre a GFB mas te digo do fundo de minh'alma que não tenho interesse algum em participar de nenhuma delas, pois tenho certeza que seria para mim uma grande decepção.
      Nós como espíritos encarnados, imperfeitos e ainda como muita coisa para resgatar, não somos os mais indicados para "orientar" ninguém. Podemos sim, aprendermos uns com os outros, mas acho que até isto ainda estamos longe de conseguir fazer.
      Como disse Jesus: cegos guiando cegos!
      Prefiro fazer meus estudos sozinha. Buscar informações "confiáveis" ou pelo menos menos estapafúrdias na Internet, adquirir um livro aqui e ali e tocar meu barco.
      Afinal todos nós chegaremos lá.

      Boa semana.
      Bjs.

      Excluir
  2. É Soraia, concordo com vc. Uma vez disse para uma colega: "existem inúmeras verdades e temos que buscar aquelas que tocam o nosso coração."
    A verdade de um pode não ser a mesma de outro, por isso devemos respeitar as diferenças crenças e não ficar tentando convencer alguém de que deve acreditar nisso ou naquilo, de que fulano está certo e beltrano errado.
    Tenho encarado as coisas assim e posso te dizer que tem me trazido gratas surpresas. Tenho aprendido tanto! Estar de mente aberta nos dá oportunidade de conhecer muitas coisas novas e aprender cada vez mais.

    Beijos

    ResponderExcluir
  3. Gostei muito do blog e a seriedade com que os temas são abordados. Lembrei-me de Aline, da Cidade das Pirâmides, que em seu Programa De Olho No Mundo(www.deolhonomundo.com) nos alerta sobre a importância de vivermos na Verdade, Justiça e Lucidez. Penso que gostarão do programa também. Abçs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!

      Agradeço pela gentileza de seu comentário e pelo toque sobre o Programa De Olho No Mundo, pois não conhecia, vou dar uma olhada.

      O texto acima foi extraído do site de Paulo Simões (eusouluz.com.br) e creio que ele fez um trabalho de pesquisa bem profundo e sério.
      Costumo colocar aqui no blog, temas interessantes de fontes seguras.

      Abraços fraternos.

      Excluir

Postar um comentário

Boas vindas!

Postagens mais visitadas deste blog

ORAÇÃO AO JUSTO JUIZ - ORAÇÃO DA PROSPERIDADE - ORAÇÃO DE AGRADECIMENTO

NÓDULOS LUNARES - DESCUBRA QUAL É O SEU CARMA

RUDOLF STEINER - ORAÇÃO DE MICAEL / FORJANDO A ARMADURA