O BRASIL EM 2013 SEGUNDO ASTROLOGIA


imagem: Dulce Campolina

Astróloga previu, no ano passado, o cenário de limpeza política em 2013
Em nova leitura do mapa astral, ela diz que as manifestações vão continuar e terão mudanças para todos

por Luciane Evans
Publicação:02/07/2013 08:00 Atualização:02/07/2013 08:53

Era 30 de dezembro de 2012, o Estado de Minas trouxe as previsões de astrólogos, numerólogos e tarólogos para 2013, com o título Desperte-se.
Dulce Campolina, astróloga mineira, e uma das entrevistadas, destacou que o ano que viria traria uma limpeza na política e lembrou que Saturno, o deus da ordem e da responsabilidade, regeria 2013, como regeu o ano em que o ex-presidente Fernando Collor foi retirado do poder por meio de um impeachment, que começou com o povo brasileiro nas ruas. O cenário atual do Brasil corresponde em muito ao que previu Dulce, que, em nova entrevista, prevê que, daqui pra frente, mudanças estão por vir na política e chama atenção para os meses de novembro deste ano e março de 2014, quando o planeta Marte, o Deus da Guerra, estará junto com Plutão, o que sugere fortalecimento de movimentos e criação de novos partidos.

Aparece também junto com Plutão, Urano – planeta descoberto na época da Revolução Francesa, que na mitologia representa o poder legislativo, professores, revolucionários, rebeldes e ação. É por meio de um cálculo astral que a astróloga, famosa no meio empresarial de Minas, prevê o futuro. A pedido do Estado de Minas, no ano passado ela analisou o mapa mundial de 2013 e disse que, o ano, regido por Saturno, traria mais responsabilidades para os brasileiros na parte financeira. Ela disse, na época, que as pessoas deveriam ficar mais atentas ao dinheiro. Do contrário, o nível de endividamento poderia deixar muita gente deprimida e sem saída. “É hora de pagar as contas e economizar”, avisou naquela época. Outro destaque de Dulce foi para o cenário da política, que, segundo previa, era um momento em que “os políticos corruptos que tentaram ‘engolir’ seus filhos para se manter no poder serão punidos”.

A reportagem também informou que um dos anos mais marcantes na política brasileira, quando o ex-presidente Fernando Collor sofreu impeachment, em 1992, era regido por Saturno e Dulce previu que haveria essa faxina. “Não quer dizer que o mesmo ocorrerá com a presidente Dilma, mas desde 2012 vimos que o Brasil está fazendo essa limpeza, como foi a condenação dos políticos corruptos no caso do mensalão”, comparou. Hoje, revendo o que disse a astróloga e o cenário atual brasileiro, é possível dizer que há coincidências. Atualmente, o país vive um momento de alta do dólar, que chega na casa dos R$ 2,20, inflação e uma grande insatisfação popular nas ruas dirigida aos políticos.

Estruturas abaladas 
Diante disso, esta semana Dulce analisou novamente o mapa astral deste ano e descobriu fatos interessantes, que, segundo ela, merecem muita atenção. Ela explica que a astrologia mundial estuda a evolução das sociedades humanas a partir do ciclo dos planetas lentos. “A interpretação desses ciclos e sua interseção nos permite antever um sentido profundo das movimentações da sociedade, dos países e de seus rumos”, esclarece. Ao analisar o mapa astral brasileiro para os próximos dias, Dulce se deparou com algo que nos chama a atenção. “O aspecto planetário de Maio e Junho deste ano é o mesmo de 7 de Setembro de 1822, dia da independência do Brasil”, compara.

Isso porque, segundo ela, o planeta Plutão está posicionado sobre Capricórnio. Essa posição pode refletir na queda das estruturas patriarcais. “Os símbolos dessa fase que se desestrutura, como o capitalismo selvagem, o corporativismo, entre outras mazelas de nossa sociedade contemporânea, devem provavelmente morrer para dar lugar a outros valores e outra forma de viver”, comenta. Mas, os progressos, segundo ela, não serão imediatos, já que Plutão ficará neste signo até o ano de 2024. “O lema de Plutão é ‘morrer para renascer das cinzas’. A tensão e a crise são a alavanca para o processo de transformação do velho para o novo paradigma. O símbolo dessa posição é um auditor, tudo deve ser reavaliado e conferido”, prevê.

O planeta Plutão posicionado em Capricórnio gera um medo de se perder, segundo os estudos de Dulce, tudo aquilo que já foi conquistado, “talvez este seja um dos motivadores destas manifestações, juntamente com o planeta Urano posicionado em Áries, que chama para a ação e lembra que a mudança deve ser para todos”. No mapa do Brasil, o planeta Plutão está posicionado na casa do dinheiro e, Urano, na casa do Congresso e câmaras. “Daqui pra frente vai haver mudanças econômicas. Urano chama para a ação, haverá muitas cobranças”, diz.

Dulce chama a atenção para os meses de novembro e de março do ano que vem, quando outros aspectos favorecem novos tipos de manifestação. “Marte, o deus da guerra, estará junto com Plutão nos dias 10 e 11 de novembro. Sugere fortalecimento de movimentos e criação de novos partidos. A tendência é de algo mais organizado. Não quer dizer que é uma guerra, mas um movimento de busca para defender seus direitos.” Otimista, ela crê que virão mudanças positivas para todos.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ORAÇÃO AO JUSTO JUIZ - ORAÇÃO DA PROSPERIDADE - ORAÇÃO DE AGRADECIMENTO

NÓDULOS LUNARES - DESCUBRA QUAL É O SEU CARMA

OS SIGNOS DO ZODÍACO: SUAS CORES, PEDRAS, FLORES... - 1ª PARTE - DE ÁRIES A VIRGEM